Caminhoneiros protestam contra aumento do diesel em frente a Petrobrás no Paraná

> Publicado 02 março - Leitura Read

“Nós não vamos parar nada, pois não é justo para quem está aqui trabalhando. Se não der certo, aí sim nós vamos parar”, explicou um dos participantes do protesto.

                             
Protesto em frente a refinaria da Petrobrás


Os caminhoneiros se reuniram para protestar contra o aumento do diesel em frente à refinaria da Petrobrás da Rodovia do Xisto, a BR-476, em Araucária, na Região Metropolitana de Curitiba. 


Conforme um dos participantes do protesto, a ideia é fazer uma movimentação no local durante todo o dia, mas sem atrapalhar o trânsito ou as atividades de quem atua na refinaria. 


O aumento do óleo diesel foi de 5% (ou R$0,13 por litro) e o preço para as distribuidoras passou a ser de R$2,71, segundo o anúncio do Governo Federal. 


Já o gás liquefeito de petróleo (GLP), conhecido como gás de botijão ou gás de cozinha, ficou 5,2% mais caro. 


A gasolina também teve aumento, ficando R$0,12 mais cara (4,8%) e passou a custar R$2,60 para a venda às distribuidoras.


Além dos caminhoneiros, começam a chegar no protesto também motoristas de aplicativo e mototaxistas.


O protesto também está sendo organizado por motoristas de aplicativo e caminhoneiros em Londrina. 


                                  
Caminhoneiros protestam em Londrina


A manifestação acontece na PR-445, zona sul de Londrina. A Polícia Rodoviária Estadual (PRE) está no local, acompanhando a situação.


As movimentações dos caminhoneiros já acontecem em outras regiões do país, como Brasília e Minas Gerais.


Redação da Maré.

Anúncio




Páginas

Últimas notícias