Massa de ar polar pode gerar neve na região Sul do Brasil

> Publicado 28 junho - Leitura Read

O fenômeno invernal é esperado para as regiões serranas do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina e até o sul do Paraná.

                           
Massa de ar polar pode gerar neve na região Sul do Brasil
                      

Massa de ar polar pode gerar neve na região Sul entre segunda (28) e terça-feira (29); empresas de meteorologia preveem friagem até na região Norte.


A frente fria registrada no último fim de semana deve intensificar-se no Brasil trazendo possibilidade de neve à região Sul nesta semana. 


Continua depois do anúncio

Segundo especialistas em meteorologia da empresa Metsul, esta massa de ar polar deve ser uma das mais potentes dos últimos anos e deverá baixar ainda mais as temperaturas entre a noite da segunda-feira, 28, e a madrugada de terça-feira, 29, quando o ar mais gelado alcança o Brasil.

                             
Massa de ar polar pode gerar neve na região Sul do Brasil


Segundo o Climatempo, a combinação de temperaturas muito baixas, próximas e abaixo de 0°C, com muita umidade, "será favorável à formação de neve e de outras precipitações de inverno". 


O fenômeno invernal é esperado para as regiões serranas do Rio Grande do Sul e de Santa Catarina e até o sul do Paraná.


Temperaturas muito próximas e abaixo de 0 °C poderão ocorrer nos estados do Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Paraná, Mato Grosso do Sul, São Paulo e Minas Gerais. 


Continua depois do anúncio

Por tratar-se de um deslocamento de proporções continentais, o vento frio poderá chegar até o Norte do Brasil provocando o fenômeno da friagem.


Durante os dias de atuação desta forte massa de ar frio de origem polar, recordes de menor temperatura do ano e de menor temperatura máxima poderão ser observados até mais de uma vez. 


As capitais com maior chance de bater algum recorde até o fim desta semana são: Florianópolis, Curitiba, Campo Grande, Cuiabá, Goiânia, Brasília, Porto Velho, Rio Branco, São Paulo, Belo Horizonte, Rio De Janeiro e Vitória.

Com informações da Climatempo

Redação da Maré.

Anúncio






Últimas notícias