China fecha terminal portuário e coloca cerca de dois mil trabalhadores em quarentena

> Publicado 13 agosto - Leitura Read

Cerca de dois mil funcionários foram colocados em quarentena para evitar surto da doença no porto de Ningbo-Zhoushan.

                             
China fecha terminal portuário e coloca cerca de dois mil trabalhadores em quarentena


 

A China fechou um terminal importante do porto de Ningbo-Zhoushan e colocou cerca de dois mil trabalhadores em quarentena ao detectar apenas um caso de Covid-19 entre os funcionários do local.

 

O porto de Ningbo-Zhoushan é o terceiro maior do mundo e 25% de sua movimentação acontece no terminal que foi fechado por tempo indeterminado. 


A paralisação preocupou o mercado financeiro e está mexendo com as negociações cambiais nesta sexta-feira (13).


A nova paralisação pressiona ainda mais o transporte marítimo, que já enfrenta restrições, e pode causar aumento nos preços em todo o mundo. 


Em maio, o fechamento do porto de Yantian, também na China, causou atrasos de semanas no embarque de mercadorias.

 

E este pode não ser o último fechamento em portos chineses, já que o governo do país adotou uma política de tolerância zero contra casos de Covid-19.

 

A queda nos mercados acionários de China, Coreia do Sul e Japão refletem as preocupações dos investidores com o avanço da variante Delta da Covid-19 na China. 


Até a quinta-feira (12), o país registrou 81 novos casos de contágio pela nova variante.

 

Redação da Maré.

Anúncio






Últimas notícias