Conportos realiza auditoria no Porto de Paranaguá

> Publicado 28 agosto - Leitura Read

Equipe da Conportos é formada por representantes da Polícia Federal, Marinha do Brasil, Antaq, Polícia Militar do Paraná, e Receita Federal.


Conportos realiza auditoria no Porto de Paranaguá


A Comissão Nacional de Segurança Pública nos Portos, Terminais e Vias Navegáveis (Conportos) avaliou nesta semana a estrutura existente, investimentos realizados e projetos futuros do Porto de Paranaguá.


A auditoria multi-setorial analisa esses itens em todos os portos públicos brasileiros.


No Paraná, os apontamentos da equipe federal deverão balizar ações futuras para melhorar ainda mais a vigilância nos portos de Paranaguá e Antonina.


Continua depois do anúncio


“A intenção é ter um olhar externo para contribuir para a segurança. A Portos do Paraná evoluiu no quesito de segurança, desde a última visita”, destacou o chefe da Comissão, capitão de fragata Omar Salles Almeida. 


“Ressaltamos o envolvimento e o comprometimento da gestão e de toda a equipe nessa melhoria. Observamos que, de 2019 para cá, passaram à frente de outros terminais portuários”, afirmou.


Para ele, a evolução na segurança do Porto de Paranaguá foi muito significativa e o relatório final da Conportos vai contribuir para que novas melhorias e correções possam ser feitas no futuro. “O parecer técnico traz os principais pontos e muitos são realizáveis de maneira rápida e fácil”.


O presidente da Portos do Paraná, Luiz Fernando Garcia, disse que a auditoria ajuda no planejamento de ações da empresa pública. 


Continua depois do anúncio


“Nos últimos anos, investimos pesado em segurança, tecnologia e infraestrutura. Nossa intenção é manter esse grau de excelência e melhorar, principalmente nas questões relacionadas aos recursos humanos”.


Conportos realiza auditoria no Porto de Paranaguá




ATIVIDADES

O gerente da Unidade Administrativa de Segurança Portuária (Uasp/Guapor), Cezar Kamakawa, explicou as principais atividades realizadas pela Conportos. Segundo ele, nessa visitação periódica, a equipe verifica a documentação, atividades de segurança -  principalmente voltadas ao ISPS Code (código internacional para proteção de navios e instalações portuárias). 

“São revistos todos os processos de melhorias e evolução do trabalho, com foco na capacidade de atender às normas internacionais”.


Fazem parte da equipe da Conportos representantes da Polícia Federal, Marinha do Brasil, Antaq, Polícia Militar do Paraná, e Receita Federal.


As informações são da Portos do Paraná - Fotos: Claudio Neves

Redação da Maré.

Anúncio






Últimas notícias