SC - Porto Itapoá insere plataforma de gerenciamento para atracação

> Publicado 04 outubro - Leitura Read

A ferramenta permite ao porto visualizar os movimentos em curso e ao longo de todo o plano de ação.


Porto Itapoá insere plataforma de gerenciamento para atracação

 

 

Uma ferramenta de gerenciamento de janela de berço, Navis BWM, foi inserida no Porto Itapoá, com o objetivo de centralizar, digitalizar e padronizar os processos de planejamento de atracação para ajudar o hub catarinense a aumentar sua eficiência operacional.


Antes de usar a plataforma, o porto, no complexo portuário da Baía da Babitonga (SC), precisava verificar as informações em várias fontes antes de confirmar os planos finais de atracação. 


“Uma das melhores qualidades do Navis BWM é a capacidade de simular diferentes cenários de planejamento de berços antes de iniciá-los. Isso nos permitiu evitar quaisquer problemas, como sobreposições”, diz Thiago Manuel dos Santos, gerente de operações do Porto Itapoá.


A ferramenta permite ao porto visualizar os movimentos em curso e ao longo de todo o plano de ação.


Outros recursos exclusivos que a plataforma oferece incluem a capacidade de incluir informações sobre a maré, que afetam o movimento do navio, e verificar as distâncias entre os navios para garantir que o transporte seguro seja mantido.


O porto, que passa por um projeto de dragagem e grande expansão de capacidade, espera receber navios de maior porte nos próximos anos.

 

Redação da Maré.

Anúncio






Últimas notícias